RS - Dois Irmãos

Dois Irmãos

Dois Irmãos tem sua origem nos morros gêmeos que podem ser vistos quando se chega na cidade. Sua colonização, tipicamente alemã, teve início a partir de 1824, com a chegada dos primeiros imigrantes no Estado. Seu primeiro nome foi Baumchneis, ou seja, Picada dos Baum, em homenagem a um dos integrantes que participaram ativamente do início do povoado. As primeiras obras surgiram em 1832 quando foi construída uma pequena capela católica, hoje Igreja São Miguel, tombada pelo Patrimônio Histórico do Estado. O município também é conhecido como o Berço do Café Colonial, haja vista a sua tradição na gastronomia desde o início do século, tendo sido o local onde surgiu o primeiro café colonial no Estado. A cidade de Dois Irmãos possui em torno de 28.000 habitantes, está Situada a 58 Km de Porto Alegre e pertence à microrregião Vale do Rio dos Sinos.

Igrejas

A cidade possui três grandes igrejas, todas tombadas pelo Patrimônio Histórico Municipal. São elas a Igreja Evangélica (1855), a Igreja Evangélica Luterana (1938) e a Igreja Matriz de São Miguel, que se conta ter iniciado como uma capelinha de madeira, em 1832, e hoje, com estilo arquitetônico gótico alemão, é mais um belo monumento junto às demais igrejas e casas construídas no século XIX que se encontram na cidade.

Praças e Monumentos

A Praça do Imigrante está localizada no coração de Dois Irmãos, sua estrutura e arborização, agregadas a um ambiente tranqüilo, são um convite a passar horas sentado à sombra tomando seu chimarrão e conversando com os amigos. Na praça, Ocorre todos os domingos de março à dezembro uma Feira de Artesanato e de produtos alimentícios. O local também possui um ambiente musical ao melhor estilo germânico. Na Praça dos Poderes são efetivados os eventos cívicos, também ali, se localiza o Forum municipal. A praça também é muito frequentada para lazer, onde é comum ver famílias passarem as tardes ou finais de semana tomando chimarrão.

Arquitetura e urbanismo

Dois irmãos guarda na memória da cidade diversas casas que preservam suas características originais. Na Avenida São Miguel encontramos uma série de casas históricas, algumas dessas casas tem na fachada a data em foram construídas. Muitas foram tombadas pela municipalidade. O comércio local também preserva a arquitura.

Órgãos Públicos

Museu Histórico Municipal

O museu de Dois Irmãos fica localizado na Avenida São Miguel, no centro da cidade. Neste espaço, ocorrem atividades que integram a comunidade ao museu, através de um trabalho de resgate da identidade cultural e da valorização da história dos imigrantes alemães que, a partir de 1825, deram origem à cidade. A Casa Kieling, como é conhecida devido à família que a habitou de 1893 até 1985, permaneceu com os herdeiros da família Kieling até 1985, quando foi adquirida e restaurada pela Prefeitura para sediar o Museu Histórico Municipal, oficialmente instalado em 1989. O estilo da casa é o enxaimel, trazido pelos imigrantes alemães. Atualmente, a casa representa um dos poucos exemplares deste estilo, ainda íntegros, no perímetro urbano de Dois Irmãos.

Parque Municipal Romeo Benício Wolf

O Parque fica localizado à Avenida Porto Alegre, 1001 e foi inaugurado no dia 10 de setembro de 2007 durante as comemorações do 48º aniversário de Dois Irmãos. O local oferece ampla área verde, um quiosque de 268m², praça com brinquedos, dois açudes, ciclovia e um Centro de Geração e Renda, instalado em um prédio que lembra a primeira Prefeitura.

Ponte de Pedra

A Ponte de Pedra foi construída em 1855 sobre o arroio Feitoria, na estrada que ligava São Leopoldo à Serra. A construção tem características romanas, sendo o material empregado a pedra grês. Essa ponte sempre foi um importante elo de ligação entre os moradores do Travessão Rubenich e o centro de Dois Irmãos.